Notícia postada em 18/12/2016
Edifcio no Rio de Janeiro produz sua prpria energia
Localizado no centro da cidade, o RB12 o primeiro edifcio corporativo do Brasil a gerar toda a energia necessria para o seu funcionamento
Divulgao
Do Fiqueavista Groups, no Brazil
Imprimir  

 
A cidade do Rio de Janeiro conhecida pela sua aura positiva aplausos para o pr-do-sol no Arpoador, surfistas em Grumari, finais de tarde beira mar. Portanto, no de se admirar que o primeiro edifcio corporativo com energia positiva do Brasil seja um legtimo carioca.


Perspectiva da fachada do edifcio RB12 (Foto: Divulgao)

Idealizado pelo escritrio de arquitetura franco-brasileiro Triptyque, o prdio localiza-se no nmero 12 da Avenida Rio Branco, da o nome RB12, e alinha-se ao conceito do maior projeto de revitalizao urbana em andamento no Brasil, o Porto Maravilha operao que vem recuperando e mudando a cara da regio porturia do Rio.

Para alcanar esse padro de sustentabilidade, o edifcio de 21 andares passou por um processo de green-retrofit, que envolve uma srie de adaptaes e melhorias, atendendo assim a diversos requisitos ambientais relacionados ao conforto trmico, a gesto do consumo de gua e ao aproveitamento da luz natural.

Dentre as principais solues arquitetnicas est a fachada bioclimtica, composta por um jogo de vidros em zigue-zague. Alm disso, o RB12 o primeiro edifcio comercial do Brasil a usar painis fotovoltaicos, capazes de converter a luz solar em energia eltrica para consumo prprio.

Conhea as principais estratgias ambientais que permitem ao edifcio atingir nveis superiores de conforto, sempre mantendo um baixo consumo de energia:

Resfriamento
A temperatura interna controlada por meio da combinao de vigas frias e ventilao natural, permitindo maior qualidade do conforto trmico e acstico. O paisagismo suspenso nos terraos tambm auxilia no controle trmico.

gua
Alm do uso de torneiras e vasos sanitrios de baixo consumo, o edifcio possui sistema de captao de guas cinzas. Aps tratada, a gua reutilizada para a irrigao dos jardins, eliminando o consumo de gua potvel para tais atividades.

Iluminao natural
Um cuidadoso desenho da fachada otimizou o uso da iluminao natural. O sistema tambm utiliza vidros que permitem diferentes nveis de incidncia de luz. J as fachadas receberam brises, dispositivo arquitetnico capaz de impedir a incidncia solar direta no interior de um edifcio, de dimenses diversas e instalados em posies variadas.

Energia
Possui baixo consumo energtico e painis fotovoltaicos que permitem a produo de energia eltrica. O prdio tambm pontos para a instalao de clulas de hidrognio que permitir a transformao do gs de rua em eletricidade.


Curta nossa página pelo botão abaixo e receba novidades e informações via Facebook!


Fonte:
poca

Deixe seu comentário
 
Nome:
Cidade:
Comentários:
Captcha:
 
 
 

 
Drift Moto Vs Carro  
   
 
 
  Descoberta
Encontrada matria orgnica no planeta ano mais p...
  Mordida
Vdeo mostra turista tentando pegar tubaro e leva...
  Talento
O melhor cover de I Put Spell On You que voc va...
  Incndio
Vdeo mostra exploso gigante em fbrica de cloro ...
  Trnsito
Briga toma outro rumo quando homem consegue pegar ...
  Suspeita
Comportamento de mulher de embaixador gerou suspei...


 
Soprador Primitivo  
   

 
 
     
Publicações mais lidas da semana
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Últimas semanas
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

   

Veja Publicações mais antigas
Indonsia
 
 
Moradores preferem camas de areia a colches em vi...
Variedades
 
 
Monique, do "BBB 12", fez cirurgia ntima antes de...
 
 
Tquio tem primeira nevasca de novembro em mais de...
Variedades
 
 
Anlise: 50 anos depois, por que a msica dos Beat...
Salve Jorge
 
 
E agora, capito? Tho tem noite de amor com Moren...
papa
 
 
Artista cria imagem de Bento XVI usando 17 mil cam...
Variedades
 
 
NY quer proibir venda de refrigerante em tamanhos ...
vulces
 
 
Russo faz imagens areas incrveis de vulces da I...
Visual
 
 
Mulher barbada diz que nunca se sentiu `to sexy
Diverso
 
 
Novo filme das Tartarugas Ninja ter influncia de...